Your Account
Forgot Password

Novo na EagleRider?

Junte-se a nós!
  • Reivindicar os benefícios de retorno de cliente
  • veja seu itinerário
  • Receba Novidade Sobre sua Viagem
  • Check out mais rápido
  • Seja o Primeiro a Saber Novas Dicas e Promoçãoes
BRL
Faça sua reserva

O QUE FAZER E VER EM LAS VEGAS NUMA MOTO

Imagine dirigir quilômetros e quilômetros num deserto quente e seco, a estrada se desenrolando sob seus pneus conforme você pilota rumo a uma miragem ao longe.

Imagine dirigir quilômetros e quilômetros num deserto quente e seco, a estrada se desenrolando sob seus pneus conforme você pilota rumo a uma miragem ao longe.

Conforme você se aproxima, começa a ver no horizonte os contornos de uma cidade cintilando sob a luz do sol.

Chegando ainda mais perto, lá está; um oásis de eterna atividade no deserto, um mar deslumbrante de luzes neon contra o pano de fundo escuro do Deserto de Mojave.

BEM VINDO À INCRÍVEL LAS VEGAS

Uma cidade que nunca dorme, Las Vegas é ao mesmo tempo tudo e nada do você esperava. Com sua arquitetura única, experts dos espetáculos e uma infinidade de cassinos nos quais não se vê o tempo passar, ela pode parecer uma Disneylândia para adultos.

Las Vegas pode parecer um centro sofisticado de arte, música e cultura. Também pode parecer um paraíso estranho e maravilhoso, repleto das experiências mais extravagantes que alguém poderia imaginar. Conhecida por seu histórico de astutos chefões da máfia e dos mais ousados golpes a cassinos, Las Vegas é um lugar no qual tudo é possível.

Las Vegas também é portão de entrada para alguns dos destinos mais emblemáticos do Oeste americano, como a Rota 66, o Grand Canyon, Monument Valley, os parques nacionais de Utah e muito mais.

Vegas pode ser atordoante com sua interminável oferta de shows, vistas e atividades.

Com nossas informações privilegiadas, você pode experimentar o melhor da sin city e explorar tudo que ela tem a oferecer. Nesse artigo, vamos falar sobre os shows e entretenimento, jogatina, culinária e cultura que Las Vegas oferece, assim como as viagens mais excitantes ao redor da cidade.

Eis o que você precisa saber para ter uma experiência inesquecível em Las Vegas.

Aqui está o que vamos cobrir. Se você quiser pular direto para as viagens de um dia e as rotas de moto que sugerimos, clique no link correspondente do menu abaixo e poderá pular toda as informações introdutórias, que, entretanto, também valem a leitura:

VIAGENS DE MOTO E ROTAS EM LAS VEGAS

Se você é novo na EagleRider, vamos antes dar uma olhada nas locadoras e orientar você. Alguns modelos de moto só estão disponíveis em locadoras selecionadas, enquanto a maior parte de nossa frota está em nossas locadoras mais próximas do aeroporto (primeiro link):

Se estiver procurando por um modelo ou marca em especial, não deixe de verificar a disponibilidade em todas as quarto locadoras. Nossa equipe ficará feliz em ajudar a planejar sua viagem e responder quaisquer perguntas que voce possa ter — a página- ENTRE EM CONTATO é uma maneira rápida de falar conosco.

Las Vegas é o ponto de partida perfeito para qualquer aventura de moto. Com tantos passeios de um dia ou de fim de semana divertidos para fazer, você pode facilmente começar uma aventura mais longa pela Sin City também. Vamos ver algumas viagens fantásticas de um dia pela região e explorar como cada uma delas é única.


1. VALE DO FOGO, NEVADA

De longe um dos passeios de um dia mais memoráveis de qualquer lugar no mundo, o Vale do Fogo é uma das nossas primeiras escolhas de passeios em Vegas. Cenários fabulosos acompanharão você ao longo de toda a extensão do Parque Estadual, e é mais interessante dar uma volta completa do que entrar e sair pela mesma entrada.

Você estará cercado de monumentos naturais deslumbrantes da pré-história geológica em meio ao vasto e calmo Parque Estadual do Vale do Fogo e seus mais de 18 mil hectares.

O parque fica 80 quilômetros ao nordeste de Las Vegas e é acessível pela via I-15 North para saída 75 e Valley of Fire East. Você pode atravessar o parque direto usando a Nevada Scenic Byway, uma extensão de 17 quilômetros entre as entradas leste e oeste.

O Parque Estadual do Vale do Fogo é conhecido por — e batizado por causa de —suas formações rochosas vermelho ferrugem e dunas de areia petrificadas que parecem estar pegando fogo quando o sol se põe. Pilotar pelo parque é como estar num planeta deserto e distante, dominado pela natureza e por paisagens selvagens.

A paisagem surreal da área foi criada com o tempo. Mares antigos invadiram e deixaram o sudoeste por centenas de milhões de anos, cada era deixando para trás depósitos espessos de rochas sedimentárias na forma de arenito, argilito, calcário e conglomerados. A erosão pela água e pelo vento na criação rochosa relativamente mole e quebradiça criaram as formas marcianas que vemos hoje.


A aparência da região é tão extraterrestre, que inúmeros diretores de Hollywood já aproveitaram a incrível paisagem. Filmes como Jornada nas Estrelas: Generations, O Vingador do Futuro e Viva Las Vegas entre outros, foram filmados no Vale do Fogo.

A área também conta com árvores petrificadas e petróglifos, provas de ocupação humana há pelo menos 2 mil anos. O Visitor Center tem exposições da geologia, ecologia, pré-história e história do parque e de seus arredores. Aberto o ano inteiro, o Parque Estadual Vale do Fogo tem 72 acampamentos equipados com mesas na sombra, churrasqueiras e água, assim como uma série de trilhas para fazer caminhadas caso você queira esticar as pernas. O Visitor Center fica aberto diariamente das 8h30 às 16h30. O parque fecha quando o sol se põe.

É cobrada uma taxa de entrada de U$10 por veículo para pilotar pela estrada do Vale do Fogo entre as estações de entrada leste e oeste. Moradores de Nevada têm um desconto de U$2.


2. RED ROCK CANYON, NEVADA

Os 79 mil hectares da Área de Conservação Nacional Red Rock Canyon ficam a uma viagem tranquila de 30 minutos rumo ao oeste de Las Vegas pela US-95 north e a Summerline Parkway West. Erguendo-se de uma paisagem desértica basicamente inexpressiva, seus altíssimos picos de arenito vermelho e calcário podem alcançar mais de 2 mil metros.

Como sentinelas históricos protegendo terras nativo americanas consideradas sagradas, os petróglifos retratando suas vidas e crenças são tudo que restou.

Ao entrar, o Red Rock Canyon parece um labirinto prodigioso de pináculos rochosos em vermelho, rosa e branco, domos, cânions e rochedos. A rota panorâmica unidirecional e seus quase 21 quilômetros proporcionam a todos panoramas lunares para admirar. Na estação de monções de julho e agosto, uma visita ao Ice Box canyon pode revelar cascatas sazonais. No sul adjacente, o Parque Estadual Spring Mountain Ranch conta com prédios históricos e trilhas para caminhada.


O Red Rock Canyon é um ótimo lugar para um passeio lúdico e um piquenique. Muitos hotéis de Las Vegas podem preparar uma marmita de almoço para os hóspedes que gostam de cair na estrada. Também há passeios de bicicleta para quem gosta, assim como 26 trilhas fáceis para excursionistas. Caso opte por se aventurar por essas trilhas a pé, reserve de 2 a 3 horas e leve bastante água e filtro solar, visto que as temperaturas podem ser bem altas e o sol é forte. Escaladas estão ficando cada vez mais populares na área, então é possível ver pessoas tentando escalar algumas das escarpas.

A Scenic Drive fica aberta o dia todo— de 6h às 17h de novembro até fevereiro, 6h às 19h em março e outubro; e das 6h às 20h de abril até setembro. Veja se consegue dar uma escapada para explorar o Red Rock Canyon num dia de semana, considerando que o lugar pode ficar bem cheio nos fins de semana. A estrada no interior do parque tem 21 quilômetros e é unidirecional, de forma que você poderá desfrutar da vista à sua frente sem ninguém vindo na direção oposta.

Caso você deseje um passeio de um dia inteiro, cogite incluir o Mount Charleston antes ou depois do Red Rock Canyon. É o topo coberto de neve do Mount Charleston que você vê da Las Vegas strip nos dias sem nuvens, e a visita vale a pena para aqueles em busca de uma escapada tranquila numa bela área montanhosa.


3. OATMAN, ARIZONA

Quando perguntamos a nossos clientes sobre os lugares mais memoráveis que eles já visitaram, todos inevitavelmente mencionam Oatman e a estrada montanhosa sinuosa pelas colinas rumo a Cool Springs, Arizona.

A 181 km de Las Vegas e escondida nas assustadoras Black Mountains do Arizona, Oatman e sua população de 128 é uma cápsula do tempo na qual humanos foram substituídos por... burros adoráveis e curiosos.

Antigamente uma cidade mineradora do velho oeste, Oatman permanece praticamente intacta e se tornou destino preferido de motociclistas e turistas. A histórica Rota 66 é a rua principal do lugar, o que mantém o lugar vivo trazendo turistas, viajantes e motociclistas nostálgicos.

Oatman começou como um pequeno acampamento para mineradores depois que dois garimpeiros acharam U$10 milhões em ouro em 1915, apesar de a área já estar ocupada há alguns anos. Menos de um ano depois, a população da cidadezinha de barracas e tendas explodiu para 3.550 habitantes.


A cidade foi batizada assim por causa de Olive Oatman, uma jovem raptada pelos Yavapai, vendida para uma tribo Mojave e mais tarde “resgatada” numa troca em 1857 perto de onde a cidade fica hoje, apesar de nunca ter ficado claro se Oatman queria ser resgatada, tendo sido adotada pela tribo e — segundo todos os relatos — bem tratada. Ela era conhecida por sua tatuagem azul no queixo, considerada um rito de passagem usado por muitas mulheres Mojave da época.

As cidades mineradoras do Velho Oeste não costumavam durar muito. Elas eram lugares de má sorte e bebida forte, cheias de homens e mulheres desesperados por riquezas e dispostos a fazer praticamente qualquer coisa para obtê-las. Suas histórias de matanças e desordem encheram páginas e páginas dos livros de histórias, e Oatman não foi exceção.

A explosão de crescimento durou apenas nove anos, quando a United Eastern Mines foi embora, deixando para trás equipamentos pesados que estão no local até hoje, tumbas de costas arrebentadas e sonhos frustrados.

A cidade sobreviveu servindo ao interminável fluxo de viajantes atravessando a Rota 66 a caminho da Califórnia e o final da estrada. No começo dos anos 1960, com os Estados Unidos investindo pesadamente nas interestaduais, foi pavimentada a I-40, contornando Oatman. A cidade quase morreu, mas perdurou como uma espécie de suvenir vivo de uma antiga era de Modelos A, motores flathead e automóveis “rabo de peixe”.

Hoje em dia, Oatman é uma atração do Velho Oeste, contando com alguns restaurantes, construções de ripas, diversas lojas e, é claro, os burros. Esses burros selvagens que um dia serviram como animais de carga, hoje apenas perambulam pela cidade em busca de agrados. Se você não prestar atenção, eles roubam seu sanduíche da sua mão, mas também posam alegremente para fotos — desde que você esteja disposto a dividir seu almoço.

Sugestão adicional : caso tenha um tempinho de sobra, recomendamos acrescentar um trecho de Oatman até Golden Shores na Rota 66 original. Esse passeio é fantástico, especialmente quando o sol começa a se pôr e você percorre as colinas sinuosas sem ninguém a não ser alguns burros selvagens te observando de longe.


Esta joia da história do oeste americano é um passeio obrigatório no Laughlin River Run, um dos maiores ralis de moto da América do Norte, geralmente marcado para o final de abril. A cidade não tem hotéis, mas é possível encontrar acomodações em Laughlin, Bullhead City, Needles ou Kingman. Na volta, não deixe de fazer uma parada na Represa Hoover, a caminho de Las Vegas.


4. VALE DA MORTE, NV-CA

Estendendo-se pela fronteira de Nevada com a Califórnia, o Parque Nacional do Vale da Morte é um dos mais impressionantes do país. A meros 209km de Las Vegas, o Vale da Morte é uma vista imperdível para quem está na região. O lugar é incrivelmente diverso com seu deserto de cânions, dunas de areia, salinas, formações de rochas acidentadas e montanhas.

Um dos maiores e mais profundos parques dos EUA, o Vale da Morte alcança algumas das temperaturas mais altas do mundo no verão, então prepare-se e leve água e filtro solar de sobra.

Ao entrar no vale, não deixe de passar pela pitoresca Artist’s Drive — um trajeto de 14,4 km que levará você por cânions das cores mais fantásticas: rosa, azul, vermelho e amarelo. A estrada é pavimentada e tem uma quantidade surpreendente de curvas, e a melhor maneira de aproveita-la é de cima de uma moto. A Artist’s Drive fica logo após a Badwater Road.


A Bacia de Badwater é uma parada icônica no parque e também o ponto mais profundo da América do Norte, situado 86 metros abaixo do nível do mar. Ande pelas planícies de sal e continue até as formações de sal sob seus pés começarem a parecer intocadas pelos turistas recorrentes. Ali, a uma boa caminhada do estacionamento, você se sentirá verdadeiramente imerso na beleza natural daquela terra.

Caso pretenda passar a noite no Vale da Morte, planeje-se para conhecer o famoso Zabriskie Point no nascer ou no pôr do sol. O Zabriskie Point oferece uma vista das montanhas de tirar o fôlego e é ainda mais espetacular quando o sol está nascendo ou se pondo, lançando cores sobrenaturais sobre as rochas.

Outro miradouro que não deve ser deixado de lado é Dante’s View, um terraço para o cenário dramático da bacia sudeste do Vale da Morte. Aqui, as salinas encontram-se com a areia e as montanhas, resultando numa vista espetacular.

Depois de visitar o Vale da Morte, uma boa pedida é voltar para Vegas por Shoshone e Tecopa. Você verá uma bela mistura de elevações e curvas para acrescentar um pouco de emoção às estradas majoritariamente planas dentro e ao redor do parque. É uma rota pitoresca com belas vistas do Devil’s Golf Course (estrada não pavimentada), o Golden Canyon e as montanhas acidentadas.


5. PARQUE NACIONAL DE ZION, UTAH

Se você gostou do passeio no Vale do Fogo, o Parque Nacional de Zion irá proporcionar um outro nível de experiência a você. Mencionamos o Zion em nosso artigo sobre riding in National Parks e ele é sem dúvidas um dos favoritos de milhares de pilotos que escolhem alugar e viajar conosco todos os anos.

O Parque Nacional de Zion, em Utah, é lar do Zion Canyon, um desfiladeiro espetacular em vermelho e bege, com mais de 792 metros de profundidade. A bela paisagem de rochas vermelhas, falésias, botes, cânions e arcos naturais torna esse paraíso natural incrível, e você guardará a impressão por anos e anos.


Você pode atravessar direto o Parque Nacional de Zion e explorar seus diversos extravagantes pontos de vista. A viagem pelo parque tem cerca de 24 km e pode ficar cheia de turistas em trailers e carros alugados.

Dias da semana são ideais para se ter mais tempo sozinho com o parque sem tantos turistas, além de poder dirigir mais rápido. Os limites de velocidade são baixos e possibilitam tempo de sobra para admirar as belas paisagens, curvas e partes mais estreitas da estrada.

Uma das vistas mais espetaculares é a de Angel’s Landing, de onde você poderá entender a verdadeira extensão e imensidão do Zion Canyon. Outros pontos de vista icônicos são Court of the Patriarchs, o Kolob Arch (Arco Kolob) e as Virgin Towers.

O Parque Nacional de Zion abrange uma área extensa, então, caso você queira explorar cada cantinho e fazer algumas trilhas, planeje-se para passar diversos dias aqui. Uma ideia é combinar o passeio no Zion com o Bryce Canyon, o Grand Canyon, um pedaço da Rota 66 e Oatman num fim de semana estendido NP, para momentos inesquecíveis explorando o melhor do oeste americano. Eis uma sugestão de rota a seguir.


Se todas essas rotas empolgaram você e você tiver mais alguns dias para passar na estrada, nossos TOURS GUIADOS EAGLERIDER são uma maneira fantástica de ter muito menos trabalho planejando, e simplesmente desfrutar da experiência com outros viajantes do mundo todo. Para saber mais sobre nossos tours e diferentes maneiras de viajar com a EagleRider, visite nosso novo Motorcycle Group Travel with EagleRider rentals e explore a fantástica rota a seguir.

Agora que você está devidamente empolgado para desbravar o melhor do oeste americano, vamos falar sobre o Grand Canyon. Afinal, este é o lugar que nunca falta na lista de lugares a visitar de quase todo motociclista.


6. GRAND CANYON RIM E REPRESA HOOVER, AZ-NV

Pilotar pela beira do Grand Canyon é praticamente um rito de passagem para qualquer motociclista visitando o sudoeste americano. O icônico Grand Canyon, simbolizando os dias do Velho Oeste e a própria ideia de liberdade, é um dos maiores e mais profundos cânions criados pelo poderoso rio Colorado.

Com 445km de extensão, 29 km de largura e mais de 1,6km de profundidade, o Grand Canyon é acessível por diversos dos mirantes designados no caminho. Para o melhor trajeto de moto, vá para a North Rim usando a Rota 67 (verifique se há alguma interdição sazonal na estrada antes). A South Rim oferece vistas melhores do cânion e é o lado mais visitado, sendo acessível pela Rota 64. A North Rim é mais elevada e conta com uma abordagem florestada para o vasto abismo.


Ao explorar o Parque Nacional do Grand Canyon, não deixe de visitar o Skywalk, em Eagle Point. O Skywalk é uma passarela de vidro em formato de ferradura que proporciona uma vista incrível do Grand Canyon. Você caminha, quase literalmente, no céu e por cima do próprio cânion.

Na volta para Las Vegas, pare para admirar a Represa Hoover, na Rota 93. Esse monstro gigante de concreto em Black Canyon, construído em 1936, cria o Lago Mead, o maior reservatório de água dos Estados Unidos. A Hoover Dam tem 221 metros de altura e 201 metros — ou dois campos de futebol americano — de largura, o que faz dela um dos monumentos mais impressionantes feitos pelo homem e uma popular atração turística.

6 COISAS QUE VOCE DEVE SABER SOBRE PILOTAR E VISITAR LAS VEGAS

1. TEMPERATURAS ANUAIS

As melhores épocas para visitar Las Vegas são a primavera e o outono. As temperaturas ficam extremamente quentes no verão, enquanto que de março a maio, e de setembro a novembro, faz sol, mas a temperatura é mais amena.

Se você for a Las Vegas no verão, leve bastante protetor solar de fator alto e não esqueça de se hidratar ao longo de todo o dia. No inverno, as temperaturas podem cair até 5 graus Celsius, mas a maior parte do tempo a temperatura ainda é boa o bastante para uma experiência agradável.

As duas grandes vantagens de se ir no verão é que os preços dos hotéis caem por causa do calor escaldante, além de ficar mais fácil transitar pela cidade.

2. A HORA DO RUSH E TRANSITANDO PELA CIDADE

A hora do rush em Las Vegas, assim como em qualquer outro lugar, não é nada divertida. Planeje seus trajetos pela cidade e nas autoestradas adequadamente.

A pior hora para estar na I-15, no Martin Luther King Boulevard e na US 95 é de 7h às 9h, e de 15h às 19h.

Nos fins de semana e em quase todas as noites, a Las Vegas Boulevard (ou simplesmente Strip) fica completamente lotada, do hotel Tropicana até o Sahara, e a East Craig Road fica movimentada quase o tempo inteiro. Tente passar por ela de manhã bem cedo ou após as 19h para evitar o trânsito e aproveitar a cidade devidamente.

Quando estiver em Las Vegas, preste atenção extra nos pedestres. Vegas atrai milhões de turistas todo ano, então há boas chances deles atravessarem as ruas bem na sua frente. Mantenha os olhos bem abertos e os dedos no freio só por precaução.

Em Las Vegas, é permitido virar à direita no sinal vermelho a não ser que exista uma placa proibindo.

3. ESTACIONANDO SUA MOTO

Las Vegas é uma cidade acolhedora para motos. A maioria dos hotéis deixará você estacionar sua moto sozinho, e muitas têm vagas especificamente para motos mais próximas de câmeras de segurança para uma segurança a mais. Alguns hotéis da Strip, entretanto, oferecem serviços de valet para motociclistas. Cabe a você optar, mas sempre certifique-se de que sua moto está segura numa garagem de hotel ou num estacionamento protegido.

Estacionar em Las Vegas não é barato, mas ainda há áreas nas quais é possível estacionar de graça. Os hotéis Treasure Island, Circus Circus, Venetian e Tropicana oferecem estacionamento gratuito, mesmo se você não estiver hospedado neles.

A placa Welcome to Fabulous Las Vegas tem um pequeno estacionamento só para ela e estacionar lá é grátis, então não deixe de fazer uma parada lá para tirar uma foto clássica.

Há sempre uma multidão em volta da placa e não existe uma maneira fácil de estacionar sua moto bem na frente do ponto.

4. HOSPEDAGEM NA STRIP VS. NA VELHA LAS VEGAS

Hospedar-se na famosa Las Vegas Strip ou no antigo centro da cidade são duas experiências bem diferentes. A Strip é repleta de brilho e glamour, de espetáculos extravagantes, de hotéis luxuosos e de cassinos. Já a região da Freemont Street, no velho centro da cidade, tem uma atmosfera mais relaxada e amigável, e os hotéis são geralmente mais baratos que os da Strip.

Em sua essência, a velha Las Vegas é a versão mais quieta e menos luxuosa da Strip. Dependendo do seu orçamento e expectativas em relação a entretenimento, escolha o que lhe parecer mais conveniente. Você sempre pode passear de uma parte à outra para uma experiência completa de Las Vegas.

5. CASAMENTOS EM LAS VEGAS

Las Vegas foi apelidada de “Cidade do Pecado”, mas é também uma cidade de amor. Conhecida mundialmente por seus cassinos e espetáculos, Las Vegas também tem um número recorde de capelas de casamento espalhadas por toda sua extensão.

Uma escapada até Las Vegas para um casamento rápido é um rito de passagem para muitos casais aventureiros, então se você se encontrar sendo convidado para testemunhar um casamento a jato por estranhos na rua, vá em frente — é uma experiência única e tipicamente americana quando se está na cidade.

Muitos de nossos pilotos se casam em Vegas no meio do tour, e os outros pilotos do grupo participam da festa da casamento. É sempre uma experiência memorável e divertida para todo mundo!

Para passeios turísticos, algumas das mais extravagantes e maravilhosas capelas de casamento em Vegas incluem a Wee Kirk O the Heather, a Chapel of the Flowers, e a Elvis Chapel. Mas existe até uma capela de casamento drive-in!

6. DANDO GORJETAS EM LAS VEGAS

Existe um costume não-dito, mas devidamente esperado, de dar gorjetas em Vegas. Como na maioria das cidades dos Estados Unidos, é costumeiro deixar uma gorjeta de 15 a 20% em restaurantes, e talvez até mais caso o serviço supere suas expectativas.

Também é normal dar gorjeta ao motorista do táxi, ao bagageiro do hotel, e ao concierge, caso ele faça uma reserva de excursão ou show para você.

Nos cassinos, sempre dê uma gorjeta ao seu crupiê, especialmente se você estiver ganhando. Você pode dar dinheiro ou fichas, a decisão cabe a você. Garçonetes que servem coquetéis também esperam uma gorjeta, assim como funcionários de bufês e de spas. Você escolhe o quanto dar, e nunca se sinta obrigado se o serviço recebido tiver sido ruim.

COISAS PARA VER E FAZER EM LAS VEGAS

Agora que você já sabe como transitar pela cidade e onde ficar, é hora de planejar as diversões e aventuras. Você encontrará abaixo um guia abrangente com shows, cassinos, museus e experiências indispensáveis de Las Vegas. Vegas vai muito além de apenas a Strip, os chafarizes do hotel Bellagio e a jogatina. Sendo assim, mergulhe fundo e experimente tudo que Las Vegas tem a oferecer.

A FREEMONT STREET EXPERIENCE

Ocupando cinco quadras da famosa rua Freemont em Las Vegas, a Freemont Street Experience é um shopping aberto para pedestres com diversos shows e atrações. Normalmente os shows são gratuitos e a área é extremamente popular com os turistas, visto que oferece o melhor de Las Vegas: shows de luzes e fogos deslumbrantes, música, um espetáculo de luzes LED Viva Vision, o SlotZilla zip line e oportunidades para compras.

A rua Freemont é onde tudo começou para a Sin City. O primeiro hotel de Las Vegas (o Hotel Nevada, agora chamado Golden Gate, foi construído aqui), o primeiro arranha-céu, a primeira licença para jogos, o primeiro telefone – tudo aconteceu bem aqui na Freemont Street.

BELLAGIO FOUNTAINS


As fontes diante do hotel Bellagio são uma parada imperdível quer você esteja aqui como turista, quer já seja um veterano em Vegas. Um show hipnotizante de água, luzes e música, as fontes do Bellagio são uma visão a se contemplar.

Todos os dias, mais de mil fontes (15.000) ganham vida diante do luxuoso hotel Bellagio, acompanhadas por músicas emocionantes e realçadas por luzes coloridas e ofuscantes para encantar você. O show é gratuito, então chegue cedo para garantir um bom lugar e experimentar as fontes nessa icônica experiência de Las Vegas.

Cirque Du Soleil


O Cirque du Soleil, a companhia teatral internacional, provavelmente dispensa apresentação. Em Las Vegas, entretanto, os espetáculos do Cirque du Soleil vão além, oferecendo alguns dos shows mais espetaculares e extasiantes do planeta.

Se você quiser realmente se impressionar, não perca o espetáculo “O”, apresentado no hotel Bellagio, onde os acrobatas, mergulhadores e profissionais de nado sincronizado internacionais do Cirque criam um show aquático que ultrapassa os limites da imaginação humana.

Se você busca entretenimento atemporal, confira o show “One” no Mandalay Bay, explorando a vida e a arte de Michael Jackson. E se você gosta de fantasia, mistério e surrealismo, assista a “KA” no MGM Grand e prepare-se para ser arrebatado.

A EagleRider Las Vegas oferecerá a você os melhores preços para ingressos através de nossos parceiros locais. Não deixe de nos perguntar no balcão a respeito de ingressos para os shows do Cirque du Soleil em cartaz.

Las Vegas Harley-Davidson Store

Comprar motos, roupas e acessórios na loja da Harley Davidson da Las Vegas Strip é como estar num maravilhoso museu das motocicletas. O primeiro andar da loja exibe uma enorme frota de diferentes modelos de HD, novos e usados, e é super possível passar horas só olhando todas aquelas motos.

Se você precisar de uma peça para sua moto, também poderá encontra-la aqui. Roupas e acessórios Harley Davidson com tema Las Vegas são o souvenir perfeito para você levar na mala e presentear colegas de estrada quando voltar para casa.

OS CANAIS DO VENETIAN

Se você estiver a fim de uma viagem curta até Veneza sem precisar sair dos Estados Unidos, o Venetian Hotel é o lugar mais fácil para se fingir estar na Itália. Cheio de pinturas clássicas, esculturas, música e, é claro, os famosos canais, o Venetian oferece uma experiência italiana autêntica bem no meio da cidade.

Visite também as exclusivas lojas do canal — mais de 160 de cada lado, tire algumas selfies com a estrelas no museu de cera Madame Tussaud, e, para a experiência ficar realmente completa, faça um passeio de gôndola. Com direito a um gondoleiro cantando uma serenata, essa volta pelo canal do Venetian certamente vai transportar você até a atmosfera de sonho da Itália do século 18.

PASSEIO DE HELICÓPTERO PELO GRAND CANYON

Recomendamos fortemente que você pilote você mesmo até o Grand Canyon e admire as vistas majestosas do banco da sua moto. Mas, quando em Las Vegas, um voo de helicóptero acima do Grand Canyon pode ser uma experiência de vida verdadeiramente única.

Voar pela parte mais profunda do lendário cânion e ver a escala deste incrível monumento natural é revelador. Neste passeio de helicóptero, você terá a chance de registrar as magnificas curvas do rio Colorado de cima, o cenário esplendoroso da Kaibab National Forest, e as formações de rochas vermelhas ao planar pelo famoso Dragon Corridor.

Nossos parceiros da Papillon Tours oferecem alguns dos melhores tours de helicópteros em Las Vegas. Não deixe de agendar sua aventura com eles e não esqueça de nos contar tudo quando voltar.

JOGANDO EM LAS VEGAS

O que acontece em Las Vegas fica em Las Vegas, então mesmo que você não seja apaixonado por jogos, a experiência de um cassino de Vegas pode ser um evento incrivelmente divertido.

O brilho, o glamour e o alvoroço dos cassinos de Las Vegas a princípio podem parecer atordoantes, então escolha seu ponto com sabedoria. Para caça-níqueis, visite o Aria Hotel, que tem o maior piso de maquininhas da cidade.

Para pôquer e outros jogos de mesa, o Bellagio e o Golden Nugget oferecem a maior diversidade. Se você curte apostar em esportes, vá ao Caesar’s Palace, e se estiver com vontade de apostar numa praia artificial, o Mandalay Bay é o seu lugar.

Caso esteja em busca de algo mais discreto ou simplesmente queira experimentar sua sorte sem gastar muito dinheiro, as apostas mínimas geralmente estão na região da Freemont Street, quando comparadas à Strip. Para jogar blackjack, por exemplo, a aposta mínima no Ceasar’s Palace é U$10, enquanto que no Golden Nugget é U$5.

O NEON MUSEUM

Em Las Vegas, não há nada mais icônico do que os diversos sinais de neon da cidade. Se você quiser saber mais sobre a história e o design por trás dessas luzes mágicas, visite o Neon Museum em North Las Vegas Boulevard. Fundado em 1996, o lugar tem uma coleção espetacular de sinais luminosos, dispostos em interessantíssimas exposições.

O Neon Boneyard é a famosa exposição ao ar livre do museu, exibindo alguns dos mais interessantes sinais luminosos resgatados de Vegas. Sem reparos e ainda mantendo a aparência e autenticidade originais, placas de capelas de casamento, assim como muitos sinais de hotéis e cassinos, compõem o Boneyard e a Boneyard North Gallery.

Localizado no histórico saguão do La Concha Motel, o museu frequentemente oferece exposições diversas e exibe quinze sinais de neon totalmente restaurados e funcionando, entre muito outros iluminados por luzes no solo. O museu fica aberto de 9h às 16h na maioria dos dias, e há espetáculos noturnos para instalações especiais.

O MOB MUSEUM

Ocupando a antiga agência postal e tribunal de Las Vegas construído em 1933, o Mob Museum, ou Museu da Máfia, é uma espiada fascinante em como os mafiosos moldaram a história dos Estados Unidos. Se você tiver curiosidade a respeito de alguns dos golpes mais ousados de cassinos, histórias de contrabando, violência da máfia e as diversas estratégias e técnicas usadas pelos agentes da lei, o Mob Museum é o lugar perfeito para explorar esse lado sombrio da América.

As coleções variam de exposições da era da Proibição, à história criminosa dos dias atuais, arrematadas pelo Crime Lab show e pelo Firearm Training Simulator (um simulador de treinamento com armas de fogo), onde você poderá experimentar como é tentar pegar os bandidos pessoalmente.

NATIONAL ATOMIC MUSEUM

O Nevada Test Site, uma área na qual se realizavam testes nucleares nos anos 1950, fica bem na entrada de Las Vegas. O National Atomic Testing Museum não é sua típica atração de Las Vegas, mas, fanático por história ou não, visita-lo é uma ótima maneira de escapar da agitação da cidade e experimentar algo diferente.

O museu oferece a experiência “Ground Zero Theater”, durante a qual você poderá “observar” um evento atômico, assim como inúmeras fotografias, artefatos e recordações daquela era. Planeje-se para passar pelos menos duas horas explorando o museu e não se esqueça de comprar seu souvenir da Area 51 na lojinha do museu.

Pinball Hall of Fame

Las Vegas é conhecida por tudo que é estranho, extravagante, fascinante e simplesmente esquisito, e é exatamente disso que se trata o Pinball Hall of Fame.

Esse museu contém a maior coleção de máquinas de pinball do mundo, com mais de 200 jogos dos anos que vão dos 1950 aos 1990. Todas as máquinas estão totalmente restauradas e funcionando, então você poderá reviver seus velhos clássicos favoritos como o Impacto ou Black Gold.

No Pinball Hall of Fame, você pode ter toda a diversão e nenhum dos riscos que teria nas mesas de jogo.

JOGO DE HOCKEY DOS KNIGHTS


Assistir a um jogo de hockey dos Knights é facilmente a experiência a se fazer em Las Vegas no momento. O time foi formado por jogadores dispensados de outros times da liga. Eles foram para as finais da Stanley Cup no primeiro ano de existência, em 2018 — algo que jamais havia sido feito por nenhum time de expansão antes.

Os Knights imediatamente se tornaram o orgulho da cidade de Las Vegas. Você não precisa nem pesquisar na internet para saber quando os jogos estão acontecendo: a Estátua da Liberdade do hotel New York New York na esquina do Tropicana com a Las Vegas Boulevard é vestida com uma camisa dos Golden Knights durante os playoffs.

STRATOSPHERE INSANITY

Se você está em busca de um tipo de emoção diferente em Las Vegas, aventure-se na Stratosphere Insanity Tower. A Insanity é um braço mecânico gigante que sai da Stratosphere Tower a 274 metros de altura, proporcionando vistas espetaculares da cidade e uma atração insanamente acelerada.

Seu corpo é inclinado de cabeça para baixo e rodado numa velocidade vertiginosa enquanto você vê as luzes da Strip se tornarem um borrão, como uma miragem fantasmagórica — isso se você ousar abrir os olhos, é claro.

Há outro tipo de experiência no topo da Stratosphere Tower: o The Big Shot! Esse tipo de “diversão alucinante” pode não ser divertido para todo mundo, mas se você é fã das emoções que uma montanha russa pode trazer, definitivamente vale a pena experimentar.

À noite, especialmente, você terá uma experiência surreal sendo atirado para o céu com o panorama da cidade inteira e as luzes ofuscantes. Então, justo quando se está admirando a vista, você começa a descer rapidamente numa queda livre...

EXPERIÊNCIAS DE REALIDADE VIRTUAL (VR)


Las Vegas em si já pode parecer um universo paralelo, mas se você quer realmente experimentar algo enlouquecedor, vá conhecer os laboratórios de Realidade Virtual de última geração da cidade.

Um dos mais imersivos e populares pontos de VR em Las Vegas é o VOID, no qual você pode explorar mundos diferentes e ir em aventuras loucas como as de Indiana Jones. Outro ótimo lugar para VR é o VR Adventures, um laboratório de realidade virtual que oferece experiências como Soaring Hero, Jungle River Raft, Freefall Zipline e Haunted House para aqueles que gostam de levar um susto ou dois.

SEVEN MAGIC MOUNTAINS

O mundo da arte em Las Vegas é tão vibrante quanto em qualquer outro lugar no país, mas só aqui ele se torna parte da sua vida. Aa peculiares e maravilhosas Seven Magic Mountains, localizadas a apenas 16 quilômetros ao sul de Las Vegas é uma exposição de sete torres feitas de rochas de cores vibrantes empilhadas uma em cima da outra. Situadas contra o estonteante pano de fundo do Deserto do Mojave e criadas pelo artista suíço Ugo Rondinone, elas são um perfeito exemplo de como os humanos podem transformar lugares aparentemente inabitáveis em oásis de vida e criatividade.

RESTAURANTES DE LAS VEGAS – INÚMERAS OPÇÕES PARA EXPLORAR

Inesperadamente, Las Vegas se tornou uma cidade focada em chefs nos últimos anos. Qualquer chef celebridade em quem você possa pensar tem um, e às vezes até três restaurantes aqui na cidade. Gordon Ramsey, Bobby Flay, Guy Fieri, Thomas Keller – estes são apenas alguns dos habitués de Las Vegas.

Existem diversos restaurantes com estrela Michelin capazes de proporcionar uma refeição única, para não falar nos intermináveis bufês pela cidade que oferecem uma seleção infinitamente variada de pratos do mundo todo com um preço fixo.

Las Vegas realmente se transformou num paraíso para os apreciadores de culinária. Se você estiver se sentindo mais esbanjador, o Scotch 80 Prime no The Palms, por exemplo, serve um dos peixes mais caro que existem — o Dover Sole, trazido de avião de fora do país diariamente.

E AGORA? HORA DE RESERVAR SUA VIAGEM PARA SIN CITY

Todo ano, recebemos milhares de viajantes em nossas LOCADORAS EAGLERIDER EM LAS VEGAS . Se você estiver na cidade por um dia, um final de semana ou mais tempo, este artigo é um excelente ponto de partida para sua aventura. Esperamos que o tenha achado artigo útil como preparação para sua visita à Fabulosa Las Vegas.